BEM VINDO 2011!


Bem vindo 2011! O ano que eu não esperei! Mesmo assim te dou as boas vindas e todas as chances de ser tudo aquilo que prometeste! Um ano de sonhos, de felicidades, de mudanças...

Mas por que não te esperei? Aguardei muito o ano que eu entraria para a faculdade, 2007 chegou, passou. Depois o ano que eu buscaria um estágio na área, veio 2008 e eu já trabalhando há alguns dias, fui aprendendo mais do que imaginava. Em seguida, o ano que eu entraria para o novo e melhor emprego que já tive, 2009, o melhor de todos esses anos. E então, o último ano de faculdade, 2010, TCC e fim do estágio. Porém, nunca esperei, desejei ou fiz planos para 2011, o ano que viria após tudo isso.

Em 2010 passei por um processo mega alienante no segundo semestre do ano. Para realizar meu sonho de escrever um livro-reportagem (como projeto do TCC) eu precisei imergir em uma realidade bruta e desumana. Anulei todas as formas de convivência e vivência – namoro já tinha ido pro espaço, esqueci das conversas com amigos, deixei de fazer e cultivar novas amizades, deixei de sair, de comer, de dormir. Me sentia culpada por cada suspiro deitada em minha cama: eu tinha tarefas a executar. Ainda sofro as consequências disso, um vazio estranho, resquícios da alienação.


Sempre comecei meus anos sabendo exatamente como seriam cada um dos seus meses. Mas dessa vez não. Sei que vou acordar, trabalhar, dormir. E ainda malhar, estudar inglês e dançar jazz. Uma viagem à praia, tão desejada e já programada. Mas e o que mais?

Acabou o primeiro final de semana do novo ano e agora sim começa pra valer... Os dias (noites) tranquilos (as), em clima de férias, não vão mudar em nada quando passar um, dois meses... Vão continuar sendo dias tranquilos... Acordar, malhar, trabalhar, voltar para casa! Quem sabe começar aulas de ballet adulto, frequentar cursos de artesanato ou trabalhar em prol de uma causa social?

Para 2011, muitas expectativas e uma lista de mais de 20 itens a cumprir. Eles vão desde a mudança de comportamento, a alguns itens a serem comprados, móveis novos e  uma "operação verão"  permanente. Mas nada inédito ou que programe minha vida. Só algo como não tomar refrigerantes, estudar decentemente no inglês, voltar a tocar (violino), ler mais e mais, um piercing novo, entre outros.

Sobre 2010, foi um ano bom, de fechamento e conclusão. Viajei com amigos, conclui a graduação, fiz uma grande amiga! Mas meu coração ainda palpita completamente perdido... Não sei o que vou fazer para 2011, além das coisas mais óbvias. Trabalhar, ler mil livros e assistir incontáveis episódios de séries e filmes.

Mas começa hoje, primeiro dia útil de 2011, uma nova vida! O primeiro registro em carteira, o primeiro emprego assalariado (antes era bolsa-auxílio, lembra? hehe) e a primeira semana em que tenho a oportunidade de moldar toda a minha vida de acordo com aquilo que sempre, na infância e adolescência, desejei.

DEUS abençõe cada um dos dias que virão daqui pra frente. Que ELE construa essa história, molde esses dias e dê PAZ para o meu pobre coração!

Para finalizar essa postagem, um e-mail chega em minha caixa para contradizer tudo o que eu disse acima e me deixar dormir em paz! Ao final dele, fica o versículo: I Pedro 5:7 "Entreguem todas as suas preocupações a Deus, pois ele cuida de vocês"

Comentários

Postagens mais visitadas